segunda-feira, 31 de dezembro de 2012

Planejamento: por onde começar?


Quando estamos prontos para escolher objetivos precisamos de um planejamento básico para direcionar os  nossos esforços. Contudo o que escolher? Em quanto tempo pretendo alcançar a meta? E claro não deve-se esquecer de perguntar para seu coração "para que quero construir esse caminho"?
O desejo pelos resultados é gerada pela vontade de mudar a maneira como queremos nos sentir. A diferença entre sucesso e fracasso não apoia-se somente em nossas capacidades, mas também nas sensações emocionais, físicas e espirituais experimentadas durante o processo de conquista dos objetivos.
Seus resultados são produtos de muito treinamento sim, todavia a importância de controlar as emoções e saber como utiliza-las sustentará um caminho mais seguro em direção ao sucesso e consequentemente.
Por isso pesquiso tanto e procuro intervenções mais adequadas para incentivar a busca do desenvolvimento dessas atitudes nas pessoas que estão ao meu redor e principalmente em mim. O sentimento de vivenciar essa experiência de busca pelos resultados é mais espetacular do que a própria conquista da meta.   

domingo, 30 de dezembro de 2012

Coesão de grupo: Diretrizes para sua promoção

Desenvolver a coesão de equipe pode aumentar o desempenho da equipe, através de umk ambiente agradável e onde os indivíduos se sintam a vontade para expressar-se. A comunicação novamente é a peça chave. Com uma comunicação efetiva, o técnico e líderes de grupo podem incentivar a coesão de grupo mais facilmente. 
Abaixo algumas diretrizes para motivar a implantação, pesquisa e inovação da coesão de equipe. 

Comunicação adequada
Quando o líder do grupo pratica uma comunicação aberta desenvolve um ambiente confortável para que os membros sintam agradáveis para se comunicar. O líder deve garantir comprometimento com as metas do time e trabalhem em equipe incluindo sempre o aperfeiçoamento das relações interpessoais. A medida que a comunicação aumenta a coesão de equipe também aumenta.

Esclarecimento sobre os papeis individuais no sucesso da equipe
O treinador deve descrever os papeis individuais dos membros do grupo e esclarecer o a importância desse papel no sucesso da equipe. O técnico deve lembrar-se de dar oportunidade a pessoa para contribuir na hora certa.
Quando os companheiros de equipe compartilham da tarefa dos outros procuram ajudar dando apoio e aumentando a empatia.

Estabelecimento de metas desafiadoras
Metas específicas e desafiadoras tem um impacto positivo sobre o rendimento individuais e coletivos. O estabelecimento de normas de produtividade alta mantem a equipe focada no que ela precisa fazer. A medida que os envolvidos vão  conseguindo realizar as metas, passam a sentir-se coletivamente encorajados a ter orgulho de suas realizações e aceitar novas metas.

Evitar a excessiva rotatividade de pessoal
Novamente a comunicação tem influencia na coesão do grupo. A rotatividade excessiva não favorece uma comunicação estreita entre os membros  Claro que em algumas situações, como no caso de equipes escolares e universitárias, que formam todo ano precisam de novas estratégias.

Isso é o que a comissão técnica pode incentivar, contudo os membros das equipes também tem papeis importantes a executar e facilitar o processo. Esse será um novo post!



sábado, 29 de dezembro de 2012

Treinamento e Desenvolvimento Esportivo


Conhece a planta Ficus Benjamina? É uma árvore utilizada para fazer cerca viva. Já viu quando ela cresce sem  direção e sem poda adequada? Pois é torna-se uma planta enorme toda desordenada.

Imagina se todos os donos das cercas vivas não moldassem os ficus, mangueiras, bambuzal etc. Seria um caos para todos inclusive as próprias plantas que começariam a disputar espaço, sol, água e nutrientes para crescer e firmar-se no ambiente. Por isso é importante a poda sistemática para que o jardim se torne o mas bem cuidado e organizado, que o espaço, a disponibilidade de água, o sol e os nutrientes daquele ambiente proporcionarem, independente da forma como é o jardim do vizinho.
O caminho reto para o desenvolvimento pleno me parece ser feito de diversas podas ao longo da vida. Não é fácil crescer sem as podas para fortalecer as raízes, o tronco e as folhas. As vezes temos que fazer algo porque temos que fazer e não porque queremos. Lógico, tudo de forma legal e moral! Ouvimos coisas que não queremos ouvir naquele momento e muitas vezes de pessoas especiais, contudo seria prudente tranquilizar o coração, fechar a boca e ficar firme em nossos propósitos.


A cumplicidade e a confiança, durante a convivência  entre o jardim e o jardineiro, são a base para o facilitar o canal de feedback oferecidos pelas duas partes. A diferença esta nos combinado nos bastidores e realmente não interessa o que se sabe e sim no que é colocado em prática.

Pensamos muitas coisas negativas durante o processo de desenvolvimento. Normal! A solução é controlar esses pensamentos com remédios do tipo "veja pelo lado positivo" ou "olhe o caminho percorrido, quanta coisa boa".
Treinamento esportivo é assim, senhores. Zona de conforto é um lugar péssimo para quem quer alcançar os céus. Moldamos e somos moldados em cada situação. Cada qual com sua característica.
O treinamento da Ginastica Artística é uma coisa linda. Os atletas praticamente moram no ginásio. Repetem o movimento até a perfeição. Várias vezes! A ginasta Kerri Strug, medalha de ouro na Olimpíada de Atlanta, em 1996, declara que não gostaria de estar no momento do salto, com a medalha de ouro dependendo do seu salto. Ela com o entorse de tornozelo no momento. Mesmo assim o fez colocando o time acima dela. Foi e conseguiu. E hoje se diz satisfeita com o que fez.
Gosto um tanto de pessoas que se-esforçam para surpreender a si mesmo e poder ajudar da melhor forma possível outras pessoas.